Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
VIDA DE PROFESSOR NA PANDEMIA - Por Cris Pontes
04/07/2020 19:37 em Redação - Rádio Palermo

 

"Professoras também tem vida”, esse foi o desabafo de uma amiga que está em home office, tendo que aprender a usar as ferramentas de internet que foram indicadas para atividades online. Muitos professores estão estudando, ensinando, preparando e realizando as aulas, assistindo lives, provando cumprir a carga horária, além de estarem disponíveis ao sistema da escola, recebem mensagens de alunos e pais até de madrugada. Você imagina o número de atividades que estão tomando conta do dia a dia dos professores?  

Antes de mais nada, começam planejando atividades semanais, realizando, editando e “postando” as vídeo aulas; corrigindo tarefas recebidas por e-mail, whatsapp, portal do aluno, formulário google, etc. Simultaneamente, tiram dúvidas dos pais, dos alunos e da gestão do ensino. 

E o Professor ainda estuda e participa de vídeo conferência, faz relatórios, lança notas, envia planilhas e precisa instruir-se para entender todo mecanismo na visão do aluno. 

De antemão, estão até adivinhando quem enviou a tarefa ou de qual aluno se refere cada tarefa!  Acontece que, quando um pai o contata, só diz o 1o. nome do filho, sem identificar a sala. É aí que entra a nova atividade, a de vidente.

Uma amiga Professora me relatou um fato que ilustra muito bem essa função de “vidente”. Ela recebeu um e-mail nada educado, de um pai reclamando do filho e foi investigar. Só quando finalizou seu trabalho investigativo, soube que o tal aluno não estava em nenhuma de suas salas. O pai do aluno desapareceu sem deixar vestígio.

Photo: https://pixabay.com/pt/photos/crian%C3%A7a-jogar-estudo-cor-aprender-865116

 

E a vida pessoal?

Não bastasse tudo isso, Professoras também tem vida pessoal, filhos, algumas estão grávidas, tem maridos, tem família para cuidar. Em home office as atividades dobram!

Além de todo trabalho profissional, precisam preparar refeições, lavar louças, roupas, cuidar da casa, dos filhos e também auxiliá-los nos estudos. Por outro lado, as gestantes, além do próprio gestar, têm que se preocupar com os preparativos para chegada do bebê, enxoval, mala da maternidade, etc.

Cuidar do corpo? Do cabelo? Das unhas? Ter tempo para namorar? Isso, quem sabe quando a pandemia passar… Ainda ouvem alguns desavisados falando que os Professores não sabem nada e estão ganhando pra ficar em casa. Muita injustiça!

Sejamos coerentes e valorizemos esses profissionais, que lutam com garra e coragem, causando transformações no mundo ao transferir o que se aprende.

Em síntese, vivemos um processo de mudanças, de incertezas e cada um reage de um jeito, demonstrando sentimentos de modo distinto. Mas ser cortês, atencioso, amável mantém sempre um bom relacionamento. Desta forma, é importante se observar e se questionar. Veja abaixo algumas perguntas para reflexão:

  • Será que estou tendo clareza de como estou agindo e cobrando do outro?
  • Qual é minha percepção?
  • De que forma estou conduzindo minhas relações?
  • Onde posso buscar informações?

Essas reflexões são importantes para compreender o outro e perceber que a realidade traz mudanças e não está fácil para ninguém.

Vale lembrar que ser bem educado garante uma boa convivência e um ambiente agradável. Tudo vai passar e manter o bom relacionamento garantirá uma convivência bem mais saudável.

Cristina Pontes – Guarulhos, 26/06/2020 - Master Coach, Mentora e Palestrante

www.crispontes.com.br

instagram/crispontescoach

Whatsapp: (11) 99629-8420

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!